O que está buscando?

Campanha do Agasalho 2020

Saiba como e onde doar agasalhos para esquentar famílias carentes

29/06/202012:06- atualizado às 12:07 em 29/06/2020

Todas as unidades escolares e os 53 centros de atividades do SESI-SP, assim como as unidades do Senai-SP, em parceria com o CIESP São Carlos, estão preparados para receber doações de agasalhos, mantas e cobertores. Essas roupas, que podem ser novas ou usadas, também vão aquecer neste inverno as famílias beneficiadas pelas ONGs parceiras da instituição.

Para participar, basta ir até o SESI-SP e o Senai-SP mais próximo e depositar a doação em um dos pontos de coleta presentes nas unidades. Como medida preventiva de proteção contra o coronavírus, é solicitado que todas as peças doadas estejam devidamente higienizadas e embaladas. A campanha segue até o final do inverno.

"Com o apoio de todos, tenho certeza que vamos formar mais uma vez uma grande rede de solidariedade para ajudar a quem mais necessita neste momento", diz Skaf.

Para saber qual é o ponto de coleta mais próximo da sua casa, clique aqui.

 

FIESP doa 100 mil cobertores para famílias carentes
A campanha de doação de agasalhos ganhou um reforço de peso neste ano. O SESI-SP está distribuindo 100 mil cobertores às ONGs que auxiliam pessoas em situação de vulnerabilidade social em diversas cidades do estado de São Paulo, incluindo São Carlos, Santa Rita do Passa Quatro, Porto Ferreira, Descalvado, Araraquara, Matão, Jaboticabal e Monte Alto. Os cobertores foram doados pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), presidida por Paulo Skaf.

"Essa é mais uma contribuição das entidades da indústria paulista para apoiar a sociedade nesta pandemia do novo Coronavírus", diz Skaf, que também é presidente do SESI-SP e Senai-SP. "Os impactos econômicos têm sido muito fortes, sobretudo para os mais vulneráveis. Estamos fazendo o possível para minimizá-los e dar um auxílio neste momento tão difícil", complementa.


Entidades da indústria contra o Coronavírus
Desde que a crise no novo Coronavírus foi declarada pandemia, em março, SESI-SP e Senai-SP, ambas instituições presididas por Paulo Skaf, vêm desenvolvendo inúmeras iniciativas para o combate dos efeitos da Covid-19 na sociedade.

Entre maio e junho, o SESI-SP vai produzir 6,5 milhões de refeições para distribuição gratuita para a população em situação de vulnerabilidade social. Além disso, a entidade desenvolveu uma série de guias, planos, conteúdos e até novos serviços para auxiliar as indústrias na prevenção e cuidados com o Coronavírus. A proposta é fortalecer o setor, mantendo sua produtividade, postos de trabalho e a segurança e saúde de todos os colaboradores. As ações estão descritas na página www . sesisp . org . br/para-industria/covid19.

O Senai-SP está produzindo e distribuindo para comunidades carentes mais de 1 milhão de frascos de álcool em gel. A instituição também utilizou sua capacidade técnica de produção em escala industrial para confeccionar 1 milhão de máscaras cirúrgicas. Esses insumos foram doados para hospitais e Santas Casas do Estado de São Paulo. O Senai-SP atua ainda no conserto de respiradores, um dos itens mais requisitados nas UTIs destinadas a pacientes com Covid-19. Cerca de 130 respiradores receberam manutenção no último mês e foram realocados em 47 hospitais, e outros 70 estão sendo reparados.

Leia também